Ações da Oi despencam 10% depois de CVM permitir voto de controladores em assembleia

miércoles 26 de marzo de 2014 09:34 GYT
 

SÃO PAULO, 26 Mar (Reuters) - As ações da Oi despencavam no início desta quarta-feira, reagindo à decisão da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) de permitir que os controladores da operadora de telecomunicações votem em assembleia no dia 27 sobre a fusão com a Portugal Telecom .

Acionistas minoritários da companhia queriam que os controladores fossem impedidos de votar na assembleia, que vai deliberar sobre laudo de avaliação dos ativos da Portugal Telecom que serão usados no aumento de capital bilionário da Oi.

Às 10h30, a ação preferencial da Oi caía 10 por cento, a 3,23 reais, e a ordinária perdia 7,8 por cento, 3,53 reais. No mesmo instante, o Ibovespa subia 0,9 por cento. (Por Priscila Jordão, edição Alberto Alerigi Jr.)