Ação da Usiminas devolve ganho e passa a recuar mais de 3%

jueves 24 de abril de 2014 11:15 GYT
 

SÃO PAULO, 24 Abr (Reuters) - As ações preferenciais da Usiminas devolviam alta que chegou a 2,6 por cento mais cedo e passavam a cair mais de 3 por cento nesta quinta-feira, depois de comentários de executivos em teleconferência da empresa.

Às 12h12, a ação preferencial da siderúrgica caía 3,47 por cento, a 9,17 reais, diante de variação negativa de 0,08 por cento do Ibovespa.

O vice-presidente comercial da siderúrgica, Sergio Leite, afirmou que a Usiminas está vendo um cenário de preços de aço estáveis no mercado interno brasileiro e demanda contida, o que deve resultar em um nível de vendas no segundo trimestre semelhante ao dos três primeiros meses do ano.

O volume de aço vendido de aço da Usiminas caiu quase 10 por cento no primeiro trimestre de 2014 na comparação anual, para 1,437 milhão de toneladas.

A Usiminas divulgou nesta quinta o melhor resultado líquido desde o final de 2010, mas, apesar da melhora, a companhia cita no balanço cenário adverso para a produção industrial brasileira, importante consumidora do aço da empresa. (Por Priscila Jordão e Alberto Alerigi Jr.; Edição de Anna Flávia Rochas)