Ação da Petrobras avança apesar de SEC; Citi eleva recomendação de ADR para "compra"

martes 25 de noviembre de 2014 08:37 GYT
 

SÃO PAULO, 25 Nov (Reuters) - As ações da Petrobras avançavam mais de 3 por cento nos primeiros negócios desta terça-feira, os maiores ganhos do Ibovespa, mesmo após a empresa informar que recebeu notificação da Securities and Exchange Commission (SEC) requerendo documentos relativos a uma investigação do próprio órgão regulador do mercado de capitais dos Estados Unidos.

Às 10h35, as preferenciais da estatal avançavam 3,45 por cento, enquanto os papéis ordinários subiam 3,57 por cento. No mesmo horário, o Ibovespa subia 1,68 por cento.

Além do otimismo no mercado com a provável equipe econômica a ser anunciada para o segundo mandato da presidente Dilma Rousseff, o papel encontrava suporte na melhora da recomendação pelo Citi para o ADR (recibo de ação) da empresa de "neutra" para "compra", com o analista do banco Pedro Medeiros avaliando que a queda nos últimos meses abriu uma oportunidade interessante na ação.

O preço-alvo, contudo, passou de 17 para 13 dólares.

Ele cita ainda que são cinco os fatores que pautam a recomendação de compra: publicação de seu balanço auditado em meados do primeiro trimestre de 2015; posição massivamente abaixo da média do mercado dos fundos globais; provável racionalização do plano de investimentos, mitigando o risco de uma potencial oferta de ações; inelasticidade ao preço do petróleo, especialmente na queda; e o crescimento de produção no curto, médio e longo prazo.

Adicionalmente, Medeiros avalia que a melhoria da governança corporativa pode ser um catalisador importante.

Na semana passada, o Deutsche Bank, colocou a petroleira brasileira Petrobras como "top pick", com recomendação de "compra", em relatório de início de cobertura do setor na América Latina. (Por Paula Arend Laier)