MMX e Prumo sobem após acordo de Eike para transferir ações para Mubadala

martes 5 de agosto de 2014 09:22 GYT
 

SÃO PAULO, 5 Ago (Reuters) - As ações da mineradora MMX e da empresa de logística Prumo subiam no começo dos negócios nesta terça-feira, após o empresário Eike Batista ter firmado acordo para transferir o equivalente a cerca de 10 por cento da participação que tem em cada uma das companhias para o fundo Mubadala.

Os papéis da MMX chegaram a subir mais de 4 por cento na máxima, enquanto os da Prumo --que não integram o Ibovespa-- avançaram quase 3 por cento no melhor momento do pregão até agora.

Às 10h19, MMX desacelerava a alta e subia 1,40 por cento, enquanto Prumo tinha valorização de 1,92 por cento. O Ibovespa, enquanto isso, exibia queda de 0,32 por cento.

REUTERS CB AAJ