NOVA 1-Espírito Santo Saúde dispara 9 pct com OPA Ángeles, saúde atractiva

miércoles 20 de agosto de 2014 04:04 GYT
 

(Acrescenta comentário Caixa BI, detalhes)

LISBOA, 20 Ago (Reuters) - As acções da Espírito Santo Saúde (ESS) dispararam 9 pct a convergir para o preço da Oferta Pública de Aquisição (OPA) do grupo mexicano Ángeles, uma proposta que poderá enfrentar dificuldades mas que evidencia a atractividade da líder da saúde privada em Portugal, segundo operadores de mercado.

"A oferta agora conhecida reforça a percepção do valor da ESS e oferece suporte adicional à cotação atual do título", afirmaram André Rodrigues e José Mota Freitas, analistas do Caixa Banco de Investimento.

As acções da ESS retomaram a negociação esta manhã após ontem terem sido suspensas pelo regulador quando estavam nos 3,943 euros. Os títulos seguem a avançar 7,8 pct para 4,25 euros.

"A OPA foi a 4,30 euros por título e, na abertura, o preço das acções foi logo para esse valor. É um sinal da atractividade da empresa e do sector da saúde", disse Gualter Pacheco, dealer da GoBulling no Porto.

No anúncio preliminar deste 'takeover' pela Ángeles Servicios de Salud, divulgado no site do regulador CMVM, a empresa mexicana afirmou que oferece uma contrapartida de 4,30 euros por cada acção, valorizando a ESS em cerca de 411 milhões de euros (ME).

Os analistas do Caixa BI sublinharam, contudo, que a Ángeles tem ainda um árduo caminho a percorrer.

"Considerando as incertezas relacionadas com o desmembramento do Grupo Espírito Santo (GES), a par do conjunto de aprovações prévias, por parte de várias entidades, necessário para a prossecução da OPA anunciada, admitimos que o processo de aquisição irá deparar-se com vários obstáculos à medida que for decorrendo", afirmaram.

Segundo esta casa de investimento, o Grupo Ángeles visa afastar outros potenciais candidatos à compra da ESS, como a Apax Partners do Reino Unido e a TPG dos Estados Unidos. (Por Daniel Alvarenga;Editado por Sérgio Gonçalves)