for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Brazil

Trump deve passar dias em hospital militar após diagnóstico de Covid-19

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, está em um hospital militar neste sábado para tratamento após testar positivo para Covid-19, acontecimento com impacto na corrida presidencial um mês antes da eleição de 3 de novembro.

Aproximadamente 17 horas depois de tornar seu diagnóstico público, Trump caminhou lentamente na sexta-feira da Casa Branca para um helicóptero que o aguardava para ser levado ao Centro Médico Militar Nacional Walter Reed em Bethesda, Maryland. Ele usava máscara e terno, e não falou com repórteres.

Na manhã da sexta-feira, Trump tuitou que ele e a primeira-dama, Melania Trump, haviam contraído o vírus.

O presidente trabalhará em uma suíte especial no hospital pelos próximos dias como medida de precaução, disse a secretária de imprensa da Casa Branca, Kayleigh McEnany.

Trump não tem eventos públicos programados para o sábado.

Vídeo divulgado online mostrou um pequeno grupo de apoiadores do Trump do lado de fora de Walter Reed na noite de sexta-feira agitando bandeiras do Trump 2020, a maioria sem usar máscaras.

Trump, de 74 anos, está com febre baixa, de acordo com fonte familiarizada com o assunto. O médico da Casa Branca Sean P. Conley disse na noite de sexta-feira que Trump estava muito bem, não precisava de oxigênio suplementar e havia recebido uma primeira dose de Remdesivir, um antiviral intravenoso vendido pela Gilead Sciences Inc , medicamento que tem sido apontado como responsável por encurtar internações hospitalares.

Nuestros Estándares: Los principios Thomson Reuters.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up