for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Brazil

China busca crescimento sustentado e saudável nos cinco anos até 2025

Bandeira do Particudo Comunista no museu do memorial da revolução Nanhu em Jiaxing, na China. REUTERS/Chance Chan

PEQUIM (Reuters) - A China buscará desenvolvimento econômico sustentado e saudável nos cinco anos até 2025, com ênfase em uma qualidade maior de crescimento, informou a agência de notícias Xinhua nesta sexta-feira, citando o Comitê Central do Partido Comunista.

O presidente, Xi Jinping, e membros do Comitê Central, maior das entidades de decisão do partido, reuniram-se a portas fechadas desde segunda-feira para detalhar o 14º plano de cinco anos para desenvolvimento econômico e social.

O ambiente externo da China “está se tornando mais complicado”, disse a agência, acrescentando que “existe um aumento significativo das instabilidades e incertezas”.

Entretanto, o desenvolvimento do país está ainda em um período de oportunidades estratégicas importantes, apesar de novos desafios, completou.

A agência acrescentou que a China busca ampliar seu Produto Interno Bruto (PIB) per capita para o nível de países moderadamente desenvolvidos até 2035, enquanto o PIB deverá ultrapassar 100 trilhões de iuanes (15 trilhões de dólares) em 2020.

O país ainda aprofundará reformas e deixará as forças de mercado exercerem papel decisivo na alocação de recursos, completou a agência.

A China ainda promoverá um modelo de “dupla circulação”, tornará a autossuficiência em tecnologia um pilar estratégico de desenvolvimento, desenvolverá e urbanizará regiões e combinará esforços para expandir a demanda doméstica com reformas do lado da oferta, completou.

A estratégia de “dupla circulação”, proposta pela primeira vez por Xi em maio, prevê que a próxima fase de desenvolvimento da China dependerá principalmente da “circulação doméstica” ou um ciclo interno de produção, distribuição e consumo, apoiada pela inovação tecnológica doméstica.

Reportagem de Judy Hua, Lusha Zhang, Stella Qiu e Kevin Yao

Nuestros Estándares: Los principios Thomson Reuters.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up