for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Brazil

Clubes discutem nesta semana volta de público aos estádios no Brasil após aval do Ministério da Saúde

Flamengo e Corinthians se enfrentam com Maracanã lotado em novembro do ano passado 03/11/2019 REUTERS/Ricardo Moraes

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O governo federal deu aval à CBF para iniciar as discussões sobre a volta parcial do público aos estádios de futebol em outubro, mas a decisão ainda depende de um acordo entre os clubes com autoridades de saúde e segurança.

O plano apresentado pela entidade ao Ministério da Saúde prevê uma volta gradual dos torcedores aos estádios a partir do próximo mês respeitando um limite de 30% da lotação das arenas.

O assunto será debatido entre os representantes dos clubes da série A na próxima quinta-feira e haverá ainda contatos com autoridades de saúde e segurança das cidades e estádios onde serão realizados os jogos.

As curvas da Covid-19 nas cidades serão levadas em conta para as decisões a serem tomadas sobre a volta da torcida aos estádios.

“É importante ressaltar que a abertura, em um primeiro momento, deve ser para até 30% da capacidade dos estádios --podendo ser aumentado posteriormente-- , conforme decisão do gestor local, que, dentre outros aspectos, levará em consideração a variação da curva epidemiológica, a taxa de ocupação de leitos clínicos e leitos de UTI e a capacidade de resposta da rede de atenção à saúde local e regional“, disse o Ministério da Saúde em saúde.

A proposta da CBF que será levada a reunião é que a volta das torcidas aos estádios seja simultânea para que não haja desequilíbrio na competição, ou seja, times jogando com torcida e outros sem público.

A prefeitura do Rio de Janeiro chegou a anunciar que pretendia liberar o público para o jogo entre Flamengo e Athletico Paranaense em 4 de outubro no Maracanã.

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

Nuestros Estándares: Los principios Thomson Reuters.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up