for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Brazil

Brasil tem 12 casos suspeitos de infecção por novo coronavírus

(Reuters) - O Brasil tem 12 casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus, que já matou mais de 200 pessoas na China, informou o Ministério da Saúde nesta sexta-feira, enfatizando que, até o momento, nenhum caso confirmado da doença foi detectado no país.

Viajantes usando máscaras chegam no aeroporto internacional de Guarulhos vindos da China 26/01/2020 REUTERS/Amanda Perobelli

Dos 12 casos suspeitos, 7 estão no Estado de São Paulo, 2 no Rio Grande do Sul enquanto Ceará, Paraná e Santa Catarina têm um caso suspeito cada, informou a pasta.

Inicialmente, representantes do ministério afirmaram em entrevista coletiva que o país tinha 13 casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus, mas durante a coletiva o secretário de Vigilância em Saúde do ministério, Wanderson de Oliveira, disse que acabara de receber a informação de que um caso suspeito, localizado em Minas Gerais, fora descartado.

“Recebemos agora há pouco o resultado. Todos os testes realizados pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), que é quem nos dá a chancela e segurança se é comprovado ou descartado, mostram que este caso está descartado”, disse o secretário.

“Nós não temos caso confirmado no território nacional até o momento”, disse Oliveira em entrevista coletiva em Brasília.

Ele afirmou que, em consonância com a as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), o governo brasileiro não está impondo restrições a viagens e ao comércio com a China, epicentro do surto do novo coronavírus.

“Ela (OMS) está dizendo que nenhum país está imune à confirmação de um caso importado”, disse o secretário, acrescentando que o Ministério da Saúde seguirá atualizando diariamente sobre os casos investigados no Brasil.

Na quinta-feira, a OMS declarou que o novo coronavírus é uma emergência de saúde pública internacional, mas Wanderson de Oliveira disse que a decisão da entidade ligada à Organização das Nações Unidas não altera as condutas que vêm sendo adotadas no Brasil em relação ao novo coronavírus.

“O Ministério da Saúde avalia que todas as recomendações da OMS se encontram no nosso plano de contingência. E não há nenhuma alteração de conduta em decorrência da declaração de emergência em saúde pública”, disse o secretário.

A China já registrou 9.692 casos de infecção pelo novo coronavírus até a quinta-feira, enquanto 131 casos foram registrados em outros 23 países. Até agora o vírus só provocou mortes em território chinês, 213 segundo os últimos números divulgados.

Reportagem de Eduardo Simões, em São Paulo

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up