for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Brazil

Abbot consegue autorização nos EUA para uso emergencial de novo teste para COVID-19

(Reuters) - O laboratório Abbott informou nesta segunda-feira que a US Food and Drug Administration (FDA) concedeu autorização de uso emergencial para seu teste de sangue para anticorpos COVID-19.

O teste, AdviseDx, pode ser usado para identificar um tipo de anticorpo chamado Imunoglobulina M (IgM) em amostras de sangue para determinar se alguém foi exposto ao novo coronavírus, potencialmente indicando uma infecção recente ou anterior.

A Abbott já recebeu autorização de uso emergencial para sete testes, incluindo testes moleculares, um teste rápido de antígeno e outro teste que pode detectar um tipo de anticorpo chamado IgG.

A autorização de uso emergencial do FDA permite o uso de produtos médicos ainda não aprovados no caso de emergências médicas para diagnosticar, tratar ou prevenir doenças graves ou potencialmente fatais sem alternativas adequadas ou aprovadas.

O IgG dura mais tempo no corpo após uma infecção, mas o IgM é mais útil para determinar uma exposição recente ao coronavírus, pois esses anticorpos se tornam indetectáveis semanas a meses após uma infecção, informou o laboratório.

Ao contrário dos testes moleculares, que podem detectar se alguém tem o coronavírus, os testes de anticorpos determinam se alguém já teve uma infecção anterior, detectando proteínas que combatem doenças chamadas anticorpos.

No entanto, os testes de anticorpos não são recomendados como única base para o diagnóstico de COVID-19, pois esses anticorpos podem não ser detectados nos primeiros dias da infecção.

Reportagem de Manojna Maddipatla em Bangalore

Nuestros Estándares: Los principios Thomson Reuters.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up