for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Brazil

Dasa fará testes no Brasil de vacina contra Covid-19 em desenvolvimento pela Covaxx

10/04/2020 REUTERS/Dado Ruvic/Foto ilustrativa

BRASÍLIA (Reuters) - O laboratório Diagnósticos da América (Dasa) anunciou, nesta quarta-feira, acordo para conduzir estudos no Brasil das fases 2 e 3 de vacina contra a Covid-19 que está sendo desenvolvida pela Covaxx, uma unidade da United Biomedical.

O cofundador da Covaxx Peter Diamandis afirmou, em entrevista coletiva realizada pela internet, que a vacina baseada em peptídeos multi-tope está na fase 1 de testes em Taiwan.

O Brasil tem o terceiro pior surto de coronavírus do mundo, depois dos Estados Unidos e da Índia, e se tornou um campo de testes para diversas vacinas em desenvolvimento de empresas de países como Reino Unido, China, Estados Unidos e Rússia.

O diretor médico da Dasa, Gustavo Campana, disse que um protocolo de testes será submetido à Anvisa em dezembro.

O estudo das fases 2 e 3 será realizado com no mínimo 3 mil brasileiros para avaliar se a vacina provoca resposta imune e para definir as doses de segurança necessárias e a eficácia da vacina da Covaxx, segundo Campana.

A vacina baseada em peptídeos é projetada para disparar resposta celular, com imunidade mais duradoura, e de anticorpos ao mesmo tempo, estimulando o organismo a produzir alta reação imunológica, segundo os desenvolvedores. Por ser totalmente sintética, sem usar vírus em sua fabricação, a vacina tem baixo risco biológico, acrescentaram.

Diamandis disse que com a parceria a Dasa garantirá as primeiras 10 milhões de doses da potencial vacina para o mercado privado no Brasil, e a Covaxx disponibilizará mais 60 milhões de doses para o mercado de saúde pública.

A Dasa disse que doou 15 milhões de reais para o desenvolvimento da vacina junto com o grupo de saúde Mafra, e que três outros parceiros --a MRV Engenharia, a Localiza e o Banco Inter-- juntos doarão mais 15 milhões de reais, segundo comunicado.

O presidente-executivo da Covaxx, Mei Mei Hou, disse que a empresa já está produzindo milhões de doses da vacina.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up