February 3, 2019 / 7:16 PM / 6 months ago

El Salvador vai às urnas e tem outsider anticorrupção como favorito

SAN SALVADOR (Reuters) - Os eleitores de El Salvador foram às urnas neste domingo para o primeiro turno da eleição presidencial, tendo como favorito o enérgico ex-prefeito de San Salvador, que se coloca como um “outsider” anticorrupção capaz de encerrar décadas de bipartidarismo no país.

Nayib Bukele, de 37 anos, capitalizou o sentimento anti-establishment que tomou conta de toda a região, à medida que os eleitores buscam uma alternativa aos partidos tradicionais.

Desde o final de sua sangrenta guerra civil em 1992, El Salvador tem sido governado por apenas dois partidos: os esquerdistas da Frente Farabundo Marti de Liberação Nacional (FMLN) e sua rival, a conservadora Aliança Republicana Nacionalista (ARENA).

O próximo presidente de El Salvador enfrentará os ataques verbais do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, contra os governos da América Central por não fazer o suficiente para impedir a imigração em massa, e terá que administrar a reação americana às relações diplomáticas recentemente estabelecidas com a China.

Nuestros Estándares:Los principios Thomson Reuters
0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below