December 29, 2018 / 4:41 PM / 3 months ago

Trump diz que "grandes progressos" estão sendo feitos em possível acordo com China

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse no Twitter neste sábado que ele teve uma “longa e muito boa conversa telefônica” com o presidente chinês, Xi Jinping e que um possível acordo comercial entre EUA e China estava progredindo bem.

Com uma parcial paralisação do governo norte-americano entrando em seu oitavo dia, sem nenhum fim rápido à vista, o presidente republicano estava em Washington, publicando tuítes atacando Democratas e conversando sobre possíveis avanços nas relações com a China.

As duas nações estão numa guerra comercial em grande parte de 2018, que viu o fluxo de centenas de bilhões de dólares em mercadorias entre as duas maiores economias do mundo afetado pelas tarifas.

Trump e Xi concordaram com um cessar-fogo na guerra comercial, concordando em paralisar a imposição de mais tarifas durante 90 dias iniciados em 1º de dezembro, enquanto eles negociam um acordo que encerre a disputa após meses de tensões crescentes.

“Tive uma longa e muito boa conversa telefônica com o presidente Xi, da China”, escreveu Trump. “O acordo está caminhando muito bem. Se fechado, será muito abrangente, cobrindo todos os assuntos, áreas e pontos da disputa. Grandes progressos sendo feitos!”

A mídia estatal chinesa também disse que Xi e Trump falaram neste sábado, e atribuiu ao presidente chinês a informação de que equipes dos dois países tem trabalhado para implementar um consenso alcançado com Trump.

A mídia chinesa também citou Xi dizendo que espera que ambos os lados possam se encontrar no meio do caminho e alcançar um acordo que seja mutuamente benéfico o mais rápido possível.

Ao cancelar seus planos de viajar para seu estado da Flórida para os feriados por causa da paralisação do governo que começou no dia 22 de dezembro, Trump tuitou que “eu estou na Casa Branca esperando os Democratas aparecerem para fazer um acordo”.

O Congresso controlado pelos republicanos estava fechado no final de semana e poucos legisladores estavam na capital.

A paralisação, que afeta cerca de um quarto do governo federal, incluindo cerca de 800.000 trabalhadores, começou quando o financiamento para diversas agências federais expirou.

O Congresso tem que aprovar uma lei para restaurar o financiamento, mas não o fez devido a uma disputa sobre a exigência de Trump de que o projeto inclua 5 bilhões de dólares em dinheiro dos contribuintes para ajudar a pagar por um muro que ele deseja construir ao longo da fronteira entre os EUA e o México.

Por Yeganeh Torbati

Nuestros Estándares:Los principios Thomson Reuters
0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below