November 26, 2018 / 5:19 PM / 22 days ago

Gênova se oferece para sediar final da Libertadores

MILÃO (Reuters) - A cidade italiana de Gênova se ofereceu para sediar a final adiada da Copa Libertadores entre River Plate e Boca Juniors, enfatizando o papel que imigrantes do local tiveram na fundação dos dois clubes de Buenos Aires.

Estádio Luigi Ferraris, em Gênova 10/11/2018 REUTERS/Jennifer Lorenzini

A partida de volta da decisão foi adiada duas vezes no fim de semana depois que o ônibus que levava o time do Boca foi atacado por torcedores rivais do lado de fora do estádio Monumental, do River, no sábado. A agressão que deixou vários jogadores feridos.

A princípio o início do jogo foi adiado, e depois a partida foi adiada para o dia seguinte. No domingo, no entanto, o jogo foi adiado novamente, horas antes do início, porque o Boca disse não estar em condições de jogar.

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) deve se reunir com os dois times na terça-feira para reagendar hora e local do embate. A partida de ida no estádio do Boca terminou em 2 x 2.

Nesta segunda-feira a prefeitura de Gênova confirmou em comunicado que escreveu aos clubes se oferecendo para sediar o jogo.

“Profundos, de fato, são os laços que unem os dois clubes de futebol argentinos —ambos fundados por imigrantes genoveses no início do século 20— com a capital da Ligúria”, disse a prefeitura de Gênova.

O secretário de Esportes da cidade, Stefano Anzalone, acrescentou: “Ficaríamos muito orgulhosos de receber clubes importantes como Boca e River em nossa cidade ao acolhê-los no que, de certa maneira, também é seu primeiro lar”.

“Também seria mais uma oportunidade de dar visibilidade internacional a Gênova neste momento de dificuldade e renovar o sentimento profundo de amizade que nos une historicamente a estas sociedades”.

A cidade ainda se recupera de um acidente ocorrido em agosto, quando a ponte de uma via expressa desmoronou e matou 43 pessoas.

O Boca costuma ser mais associado à cidade e tem o apelido de “xeneizes”, palavra do dialeto local para “genoveses”.

A ligação do River Plate com Gênova é menos conhecida, mas algumas versões de sua história dizem que o time adotou o vermelho e branco como suas cores por serem as mesmas da bandeira genovesa.

Por Brian Homewood

Nuestros Estándares:Los principios Thomson Reuters
0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below