June 22, 2019 / 8:29 PM / a month ago

Trump recua em retórica contra o Irã e se diz aberto a acordo

Por Parisa Hafezi e Nandita Bose

DUBAI/WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos Donald Trump afirmou neste sábado que aplicaria novas sanções ao Irã, mas também se disse disposto a um acordo para ajudar a castigada economia do país, em um aparente movimento para diminuir as tensões desde a derrubada de um drone americano nesta semana pela república islâmica. 

Trump indicou que o governo americano estava seguindo um caminho diplomático para pressionar Teerã na declaração deste sábado em Washington, antes de viajar ao retiro presidencial de Camp David, onde disse que deliberará sobre o Irã.

“Aplicaremos mais sanções ao Irã”, disse Trump a repórteres.

“Em alguns casos, estamos indo devagar, mas em outros, mais rápido.” 

Uma ação militar “sempre esteve em cima da mesa”, disse o presidente, que acrescentou, no entanto, estar aberto a um acordo com o Irã que, segundo ele, melhoraria a castigada economia do país.

“Podemos chamá-lo de ‘Tornemos o Irã grande novamente’”, disse Trump.

Nuestros Estándares:Los principios Thomson Reuters
0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below