June 28, 2019 / 10:54 AM / 19 days ago

Bolsonaro conversa com Trump sobre livre comércio entre Brasil e EUA

Presidente Jair Bolsonaro e presidente dos EUA, Donald Trump, em encontro bilateral durante a cúpula do G20 em Osaka, no Japão 28/06/2019 REUTERS/Kevin Lamarque

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Jair Bolsonaro reuniu-se nesta sexta-feira com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, às margens da cúpula do G20 no Japão, e os dois líderes conversaram sobre a ideia de um acordo de livre comércio entre os países.

“Na reunião com o presidente @realDonaldTrump, retomamos assuntos tratados na visita a Washington e introduzimos a ideia de um acordo de livre comércio para fortalecer ainda mais nossa parceria econômica. Trabalhando juntos, Brasil e EUA podem ter impacto muito positivo no mundo”, disse Bolsonaro em suas redes sociais após o encontro.

Trump disse a repórteres após a reunião com Bolsonaro que visitará o Brasil, mas sem fornecer uma data. [nL2N23Z0B2]

Na série de reuniões que teve no Japão no âmbito do G20, Bolsonaro também se reuniu com o presidente do Banco Mundial, David Malpass, e com o secretário-geral da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), José Ángel Gurría Treviño.

Com o dirigente do Banco Mundial, Bolsonaro disse ter discutido as perspectivas da “já sólida parceria” entre o Brasil e o banco. “Nosso governo tem interesse em seu apoio ao setor produtivo e em maior atuação sua no financiamento de infraestrutura no Brasil”, afirmou o presidente.

Bolsonaro destacou ter conversado com o secretário-geral da OCDE sobre os próximos passos para uma relação ainda mais forte com a organização. Segundo ele, Gurría Treviño mostrou grande entusiasmo com a agenda de reformas do Brasil.

O presidente também teve encontros informais com os presidentes dos países que compõem o grupo Brics e com o presidente da França, Emannuel Macron.

O encontro de Bolsonaro com o dirigente francês chegou a constar de uma agenda oficial de presidente, mas foi retirada após Macron ter dito que não iria assinar nenhum acordo comercial com o Brasil se o presidente brasileiro se retirasse do acordo climático de Paris.

Reportagem de Ricardo Brito

Nuestros Estándares:Los principios Thomson Reuters
0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below