October 24, 2019 / 12:45 PM / 24 days ago

Vítimas encontradas mortas em caminhão no Reino Unido eram chinesas, diz polícia

LONDRES (Reuters) - As 39 pessoas encontradas mortas no interior de um caminhão perto de Londres eram chinesas, informou a polícia nesta quinta-feira, e investigadores interrogaram o motorista do veículo, que fora detido por suspeita de assassinato.

Local onde corpos foram encontrados em caminhão em Grays, Essex, na Inglaterra 23/10/2019 REUTERS/Hannah McKay

Paramédicos e policiais encontraram os corpos de 38 adultos e um adolescente na manhã da quarta-feira no interior de um caminhão em uma propriedade industrial de Grays, situada cerca de 32 quilômetros ao leste da capital britânica.

O Ministério das Relações Exteriores chinês e a embaixada da China em Londres não comentaram de imediato o caso, após a polícia confirmar a nacionalidade das vítimas.

“Cada uma das 39 pessoas precisam passar por um processo completo de autópsia para estabelecer a causa da morte antes de movê-las na tentativa de identificar cada indivíduo”, acrescentou a polícia em um comunicado.

Detetives continuam interrogando o motorista do caminhão, um norte-irlandês de 25 anos. Uma fonte a par da investigação disse se tratar de Mo Robinson, de Portadown, e a rede BBC noticiou que a polícia fez buscas em duas casas na Irlanda do Norte em meio à investigação.

Há anos imigrantes ilegais tentam chegar ao Reino Unido escondidos em caminhões, muitas vezes vindos da Europa continental.

Na maior tragédia britânica envolvendo imigrantes ilegais, os corpos de 58 chineses foram encontrados espremidos em um caminhão de tomates no porto de Dover, no sul do país, em 2000. O veículo havia iniciado a jornada no porto belga de Zeebrugge.

No caso desta semana, o contêiner onde os corpos foram encontrados chegou às docas de Purfleet, em Essex, no sul da Inglaterra, depois de também ter passado por Zeebrugge.

De acordo com a polícia, o caminhão iniciou seu trajeto em Dublin. A palavra “Irlanda” estava estampada no para-brisa, assim como a mensagem “O Maior dos Sonhos”.

A descoberta chocante dos corpos aconteceu à 1h40, pouco mais de uma hora depois de o contêiner chegar ao Reino Unido.

“É difícil nos colocarmos no lugar destes serviços de emergência... quando foram instruídos a abrir o contêiner e expor o crime horrível que aconteceu”, disse o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson.

O veículo foi levado a um local seguro nas docas de Tilbury, que ficam na vizinhança, onde os corpos podem ser recuperados e o trabalho forense pode ter continuidade para se iniciar o que a polícia disse que será um processo longo para identificar as vítimas.

Nuestros Estándares:Los principios Thomson Reuters
0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below